Qual a receita de um bom projeto de interiores?

Como tema do primeiro texto deste blog, que prentende ser um espaço para se debater sobre de Design de Interiores, escolhi  falar sobre os aspectos que considero fundamentais para que um projeto de interiores seja bem sucedido.

Foto Alessandra Bello

iArchitects – Casa a Udine Foto Alessandra Bello

Uma casa deve ser pensada para oferecer bem estar aos seus habitantes, através de soluções que possam desfrutar ao máximo as potencialidades dos espaços e atender às necessidades de quem irá usufruí-los. Para tanto, é necessário estabelecer uma comunicação eficaz, ou seja, estabelecer uma relação próxima com a casa, entender os espaços,  entender quem os habitará e entender a relação das pessoas com estes espaços. Após estabelecer uma verdadeira  interlocução com a casa e com as informações recolhidas, então sim, podemos partir com a decoração.

Um  detalhe que muitas vezes deixamos escapar  são as mudanças que um casa sofre durante um dia, aquilo que se transforma de manhã até a noite. Como é a casa durante o dia ou durante a noite? Como se comporta em um dia de chuva ou um dia de sol? Como recebe a luz? Como é a relação com as aberturas e as janelas?  E a ascústica? É uma casa silenciosa ou cheia de rumores? Com é o clima?   Todas essas observações nos ajudam a compreender melhor toda a complexidade dos espaços de uma casa e a encontrar soluções mais funcionais.

 Outro fator  fundamental é como conseguir estabelecer um diálogo entre os materiais de um ambiente, porque  um elemento haverá um efeito sobre o outro. A cor das paredes haverá um determinado efeito em relação a uma parede de pedra. Um piso  poderá influenciar sobre a percepção do espaço e da luz e assim por diante.  Todos estes aspectos devem ser pensados no momento em que  fazemos  a escolha dos materiais, a fim de  criar  um equilibrio entre eles.

Enfim, é preciso estabelecer um visão conjunta de todo o processo.  Onde os materiais, a luz,  os móveis, as cores, a memória, consigam conviver juntos de forma harmônica.  Um projeto de interiores  de qualidade é aquele que consegue unir todos os elementos que o compõe, dando lhes um sentido.